Trabalho em Casa: 7 formas de abrir seu próprio negócio

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Calma, calma! Não vou fazer aqui nenhum mini curso de habilidades domésticas. Apesar de isso ser fundamental pra todos nós. Mas minha intenção aqui é abrir seus olhos para uma possibilidade lucrativa, interessante e benéfica para você e sua família.

[AVISO] Viver de Seu Trabalho em Casa é Possível!

A indústria do trabalho a partir de casa é uma realidade atual. Muita gente ficou muito rica trabalhando com isso. E sei que você também quer ganhar dinheiro. Mas, essa questão de riqueza e muito relativa.

Para você quem é mais rico?

a) Alguém que ganha 8 mil reais por mês trabalhando cerca 8 horas por dia. Tendo que chegar as 8 da manhã, parando de 12:00 às 13:00 para o almoço e precisando voltar  e trabalhar ainda até às 17 horas.

b) Uma pessoa que recebe em torno de 4 mil a cada mês e trabalha 3 horas por dia. Sem precisar pegar transito e ainda com bastante tempo livre pra ficar com sua família ou fazer qualquer outra coisa que tenha vontade o resto do dia.

Pessoalmente eu imagino que a pessoa da situação do item (b)  é muito mais rica. Afinal, a ideia de liberdade tem muito mais valor pra mim. Não me atrai nem um pouco a possibilidade de ter muito dinheiro e não conseguir usufruir dos benefícios disso da melhor forma possível.

Em busca dessa liberdade passei a estudar sobre modalidades de trabalho em casa. E descobri várias opções de negócios que se pode desenvolver. Nesse artigo quero apresentar algumas dessas possibilidades. E Repito: Muita gente ficou rica trabalhando com essas formas de negócio a partir de casa.

Veja as 7 maneiras de abrir o seu negócio próprio online:

1 – Marketing de Afiliados;

Para quem está começando essa forma de negócio é a ideal. Esse método funciona muito bem e grande parte dos mais badalados profissionais do Internet Marketing iniciaram seus negócios trabalhando dessa forma. Hoje em dia alguns desses tem faturamentos mensais na casa dos 5 dígitos.

Para trabalhar como afiliado você não precisa ter seu produto próprio e nem funcionários. Tudo o que você precisa fazer é indicar o produto ou serviço de alguém. Quando alguém comprar, se cadastrar ou clicar em anúncios desses produtos ou serviços você recebe uma comissão em dinheiro.

Basicamente existem 3 formas de negócios como afiliados:

  • CPC – Significa custo por clique. Nessa modalidade o afiliado recebe dinheiro por exibir os anúncios de produtos ou serviços. A coisa acontece quando você exibe esse anuncio e as pessoas clicam. Quanto mais cliques você enviar para o anúncio mais dinheiro você ganha. Nesse tipo de negócio as comissões são muito pequenas, mas dependendo das quantidades de cliques por dia (precisa de milhares) é possível ganhar muito dinheiro. Ex: Google Adsense
  • CPM – Significa custo por mil. Nessa modalidade você ganha comissões por cada mil visualizações de anúncios. Nesse tipo de negócio seu site precisa ter ainda mais visitas do que os sites que trabalham com CPC.
  • CPL – Significa Custo por Lead. Aqui você recebe por cada cadastro que você faz para o anunciante. Você indica clientes, eles preenchem o formulário (e-mail, teletone etc.) e ai que você ganha o valor combinado.
  • CPA – A minha preferida, significa custo por ação. Esse método de negócio te paga a cada indicação bem sucedida que você fizer. Existem produtos que pagam excelentes comissões. Recomendo que você trabalhe apenas com produtos que pagam a partir de 50%. Eu já tive a oportunidade de trabalhar com um produto que me pagou 99% de comissão.

Existem no mercado vários programas de afiliados. Quer ganhar muito dinheiro como afiliado? Procure programas que pagam bem e trabalhe neles. A forma como se deve trabalhar é assunto para outro artigo. Sugiro que coloque seu nome e-mail no formulário aqui do blog e baixe o e-book 10 Macetes Certeiros. Assim você fica sempre informado sobre todas as formas atuais para divulgar e trabalhar com marketing de afiliados.

2 – Infoprodutos;

Essa forma de negócio você tem o seu próprio produto de informação. Aqui você pode comercializar o seu conhecimento através de e-books, sites de membros, vídeos etc.

3 – Consultoria;

Essa é uma forma também muito interessante de rentabilizar o seu site. Depende do seu conhecimento. Aqui não tem muito trabalho, basta que você crie uma página e informe o que a pessoa pode aprender com você, quanto vai custar e como vai ser esse contato entre vocês.

4 – Social média;

Basicamente nesse modelo você trabalha criando perfis em redes sociais e publicando conteúdos para seus clientes. Aqui os conteúdos têm de ser de extrema qualidade e os perfis que você criar tem de ser profissionais. Nesse modelo você trabalha tanto no fortalecimento de uma marca junto aos clientes quanto na divulgação dos produtos e serviços da empresa que te contratou.

5 – Escritor Freelancer;

Aqui você se disponibiliza a escrever artigos para sites, blogs e tudo mais. Nessa modalidade você nem precisa ter seu próprio site. É possível você divulgar seus serviços gratuitamente através de sites especializados. Em outro artigo entro em mais detalhes sobre essa forma de ganhos.

6 – Loja Virtual;

É uma tendência atual. As lojas físicas têm se tornado verdadeiros Show Rooms das lojas virtuais. Quem trabalha com produtos físicos pode alcançar muito mais clientes publicando seus produtos na web. Está muito fácil criar uma LV. Existem várias plataformas gratuitas como o magento, open cart, várias outras e ainda as lojas virtuais de aluguel.

7 – Multinível;

Trabalho em casa com marketing multinível é uma realidade no mercado brasileiro. Existem vários modelos de negócio dessa natureza. Percebemos que os melhores resultados são de modelos de negócios que permitem a divulgação por meio da internet. Saber trabalhar com isso é uma arte.

Aqui no Brasil mesmo temos vários novos milionários que surgiram do Marketing Multinível e a tendência é aumentar. Haja vista, que com a intervenção do ministério público em várias empresas, nunca se falou tanto em uma regularização do Multinível no Brasil. O assunto já está no congresso e muito em breve já será uma realidade.

Conclusão

Objetivo completo! Mostrei pra você várias formas de trabalho em casa de forma online. Agora não tem mais desculpas para não abrir seu próprio negócio. Eu sei que o artigo ficou longo, mas o que eu falei aqui ainda é muito pouca informação. Afinal cada tópico citado aqui tem uma infinidade de possibilidades. Para organizar melhor suas ideias eu recomendo que leia outro post que eu fiz sobre Empreendimentos Digitais Altamente Lucrativos.

Um grande abraço,

Hugo